sábado, 14 de abril de 2012

Consequências da mielo

Amigos leitores, hoje vou escrever algumas das consequências da mielomeningocele, mas vocês tem que saber que não quer dizer que todas as pessoas mielos vão ter essas consequências. Isso é segundo o que os médicos falam pelo o que a maioria pode ter! Umas coisas meu filho tem e outras não, tudo depende do grau do comprometimento da medula. Eu conheço algumas crianças que são mielos e caminham , não tem hidrocefalia e não tem o desvio grande na coluna que o meu filho tem. Cada caso é um caso!
Algumas dessas consequências eu já havia comentado nas postagens anteriores. Então vamos lá!
- Paralisia parcial ou total nos membros inferiores
- Podem ocorrer problemas ortopédicos assim como pé torto, deslocamento do quadril
- Perda do controle da bexiga e intestino
- Diminuição da força muscular
- Atrofia muscular
- Escaras (costas, pés, etc)
- Hidrocefalia que cerca de 90% das crianças mielos podem apresentar e como postei antes, um cateter de derivação, resolve o problema, evitando que graves consequências como deficiência intelectual, alterções visuais, na fala, audição, além de prejudicar o controle da coordenação motora de braços e pernas.
-Osteoporose (meu filho tem desde pequeno)

Fonte: RG nutri patologias mielomeningocele
          

Aqui vou dar algumas dicas para evitar ou amenisar algumas dessas consequências:
- Temos que ter cuidado para a criança não cair, é claro que isso acontece, mas temos que procurar evitar por causa do quadril e dos ossos das pernas que são mais fracos
- Quanto ao pé torto, a maioria faz uma cirurgia pra correção do pé e também usam uma goteira que ajuda a deixar o pé direitinho.
- A bexiga por não ter controle, a gente tem que fazer sondagens para esvaziar a bexiga da criança umas 3x ao dia(sempre), mas no próprio acompanhamento que eles tem que ter com o Urologista o médico vai falar a idade certa que se começam as sondagens, quando pequenos ainda não é preciso.
- O intestino, esse começou a dar problema pro meu filho a um ano já. Eles ficam com o intestino preso, e são obrigados a ter uma alimentação a base de fibras pra não ficar com a barriga dura, com náuseas, sem vontade de comer e fraco. Por isso precisam comer frutas e verduras. O que mais dou pro meu filho é mamão, moranga, alface, barrinha de cereal... porque o resto, é uma tristeza, ele não gosta!
- As escaras nos pés são evitadas não colocando tênis apertado, ou algum outro calçado, eu compro sempre um número maior pra evitar isso. Nas costas que é onde meu filho tem a pele sensível, a gente cuida pra ele não machucar naquele lugar, principalmente quando faz exames de coluna e tal, ele não pode ficar com as costas totalmente retas na máquina senão encosta ali e acaba abrindo uma escara, ele dorme de lado também pra evitar contato naquela parte da coluna que é saliente.
- E no demais eu procuro dar sempre uma alimentação rica em ferro pra ajudar ele a ter energia, e por sinal, nunca teve anemia graças a Deus!

Bom pessoal, espero ter colaborado com algumas dessas dicas. Sei que cada mãe sabe dar o que é melhor pro seu filho e lembrem que eu só falo a vocês o que eu já passei por experiência e o que os médicos do meu filho me falam.
Sempre procurem o médico de vocês pra dar a orientação certa pro caso do seu filho(a) ok!
Um abraço. Fiquem com Deus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...