terça-feira, 8 de maio de 2012

Dia a dia escolar de um cadeirante


Oi pessoal! Vou compartilhar com vocês, um pouco do dia a dia do meu filho na escola e algumas dicas importantes para o bem estar dos alunos especiais ok!
O sapeca aí da foto é o Dudu quando estava na 5ª série, ele estava fazendo um trabalho de geografia. Reparem na bagunça da mesa dele, rsrsrs.
Bom gente, no caso dos cadeirantes, devemos pedir para a escola uma mesa adaptada, demora um pouquinho, mas a Sec. de educação providencia...Como já falei numa postagem anterior a que tem na escola é mais estreita e mais baixa e algumas tem um ferro embaixo pra colocar o material que acaba machucando as pernas do cadeirante. Essa que o meu filho usa na foto, fizeram sob medida, o bom que ela era mais leve e isso facilita pro aluno tirar a mesa quando precisa.
Quanto ao lugar, o mais adequado para os alunos especiais ficarem é na frente e próximo a mesa dos professores, porque assim é mais fácil eles tirarem as dúvidas e também é um meio dos professores acompanharem melhor o desempenho deles. Facilita-se para ambos e tem o acesso mais fácil para se locomover com a cadeira e ir para a porta também.
Se for preciso, eles terão a ajuda de uma professora auxiliar dentro ou não da sala de aula. O meu teve ajuda até a 5ªsérie, porque ele sempre teve dificuldade de copiar toda a matéria do quadro, a maioria das pessoas mielos, são um pouco mais lentas e cansam com mais facilidade, por causa do desvio na coluna (isso é importante falar para a ORIENTADORA da escola que certamente fará uma reunião com os pais do aluno especial para se expôr o que for preciso).

Lembre-se: NÃO É O SEU FILHO QUE TEM QUE SE ADAPTAR A ESCOLA, É A ESCOLA QUE TEM SE ADAPTAR AS NECESSIDADES DO SEU FILHO!!!

Essa professora auxiliar é de muita ajuda para os alunos especiais, ela serve para conseguir as matérias que eles perdem por não poderem ir na aula, igualmente para fazerem as provas atrasadas e também para acompanha-los quando são pequenos nos eventos dentro da escola, para eles não ficarem sozinhos.
Quanto a educação física, cada caso é um caso, o meu filho quando pequeno fazia somente alongamentos nos braços mas começou a sentir dor e o médico dispensou ele por causa da coluna. Então deixo na escola todos os anos um atestado de dispensa e outro para justificar as faltas nos dias de chuva, além de ser cadeirante e por ter problemas sérios respiratórios, não pode ir nesses dias na aula. É ai que a professora auxiliar ajuda bastante pra conseguir as matérias perdidas, e também em casa eu sempre ajudei ele.
Não pensem que por ele ser deficiente físico que tem moleza porque não tem. Ele sempre teve algumas regras a seguir em casa, entre elas de fazer os deveres todos os dias (menos quando fica doentinho) e de revisar a matéria antes de jogar video game, pra não ter que estudar tanto quando tem prova.
Eu sempre ajudei no que pude. Quando meu filho tinha que estudar para alguma prova e os textos eram grandes, eu transformava eles em perguntas pra facilitar no estudo,  e ele estudava bem rápido assim. É um método que sempre deu certo com ele.
Sei também que se for preciso, os alunos podem ter aulas de reforço, pra recuperar as matérias novas que perderam, tanto com a professora auxiliar quanto com os próprios professores.
Portanto, fiquem atentos ao que seu filho (a) está precisando, as vezes tem coisas que a gente sabe ajudar, tem outras que a gente nem se lembra mais e as que não sabemos fazer mesmo! Então, só os professores! Com o esforço dos nossos filhos, mais a boa vontade dos professores (que a maioria tem) e a nossa ajuda, tudo vai dando certo e eles conseguem estudar. As vezes é puxado!!! No inverno então...Nos dias que o  Dudu tem crise asmática são dias em cima da cama, bem ruim fazendo bombinha de 4/4hs, tomando remédios e sem poder ir na aula...
Mas depois passa, ele melhora e vai recuperando tudo aos poucos, sem se prejudicar fisicamente e nem no aprendizado escolar, graças à Deus!
Espero ter ajudado com essa postagem.
Um abraço a todos!
Preta

4 comentários:

  1. Preta achei muito bom o seu blog,teu filho é uma graça,você esta de parabéns por ser uma mãe dedicada,que sabe defender teu filho e ajuda os outros para fazer o mesmo. Sem palavras do quanto gostei desse blog e do jeito que tu se expressa com teus leitores.Nunca perca sua fé querida pois ela é quem te move.Beijos.Lurdes Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lurdes Maria! Obrigada por visitar meu blog. Fico feliz de saber que estão entendendo o motivo pelo qual quis criar este blog. Sei o quanto a falta de informação atrapalha nossas vidas, ainda mais, quando se trata de um filho que nasceu com alguma deficiência e desde cedo tem que enfrentar o despreparo e má vontade de muitos que não tem noção de como lidar com eles. Minha fé em Deus realmente é o meu mover! Bjs querida!

      Excluir
  2. legal isso me sjudou na minha pesquisa to na facudade e to pesquisando a vida de um cadeirante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana Cristina! Obrigada por visitar o meu blog e fico feliz pela postagem ter sido útil para sua pesquisa. Volte sempre! Bjs

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...